22 de novembro de 2011

PARQUE NAC. TERRA DO FOGO - parte 02

Hoje foi nosso último dia na Patagônia, amanhã seguiremos para Buenos Aires. Aproveitamos que ainda estávamos de carro e voltamos ao parque nacional para conhecermos um pouco mais do local.
Um pouco antes da entrada do parque vimos um bando de gaviões. Eu não contei, mas devia ter uns 10, tudo na beira da estrada.
Seguimos direto para o setor Lapataia, pois da primeira vez que estivemos no parque não conseguimos explorar bem essa área.
O Setor Lapataia possui 06 pequenas trilhas (paseo de la isla, laguna negra, mirador Lapataia, del turbal, castorera e senda de la baliza). Fizemos 05 delas sendo, uma no primeiro dia que estivemos no parque (paseo de la isla), e outras cinco hoje (laguna negra, mirador lapataia, castorera e senda de la baliza).
Chegamos até o final da Ruta n° 3, um dos locais mais visitados pelos turistas (e que quase não conhecemos).
A Ruta n° 3 é uma rodovia argentina que percorre o país de norte a sul.
Caminhamos pelas passarelas até um mirante e depois seguimos para a "senda de la baliza".
Uma trilha de aprox. 1,5 km (de ida), de baixa dificuldade, que nos leva até a "Reserva Natural Estricta", ou seja, uma área limite de acesso ao público. A partir dali não é permitido passar.

** Segundo a wikipédia, apenas 2.000 ha (dos 63.000 ha) estão abertos ao público. **

O curioso é que há apenas uma cordinha determinando que não se pode passar, e as pessoas respeitam (pelo menos eu acho!). Se fosse aqui no Brasil teria um enorme portão trancado.
No caminho há uma castorera ativa (mas não vimos nenhum castor, só pássaros e patos). :)
No início da trilha brincamos com alguns dentes-de-leão, ao qual carinhosamente chamamos de "Afuuuuu". :)
Após percorremos os 3 km (ida e volta) da senda de la baliza, fomos até o "Mirador Lapataia", uma trilha de 1 km e de baixa dificuldade. De lá temos a vista panorâmica da Bahia de Lapataia.
Depois pegamos o carro e seguimos para a "Castorera". Hoje estávamos meio preguiçosos e seguimos de carro até onde era possível. :)
A Castorera é uma trilha curta de 400m (ida e volta). Ficamos lá observando e procurando castores. Tentamos seguir a trilha "Del Turbal", mas desistimos e voltamos para a castorera.
Eu disse que só sairia de lá depois que conseguisse ver um castor.
Chegava grupo e saía grupo e nós continuávamos lá. Pegamos nosso lanche no carro e ficamos ali comendo e observando, até que finalmente conseguimos ver um castor!
Foi uma alegria só! E logo depois vimos mais dois! Um dos danadinhos estava querendo fazer "bobiça" com o outro. :)
Esses bichinhos são rápidos, não param quietos! As fotos não saíram lá grandes coisas, mas valeu o registro.

Depois que conseguimos ver os castores, seguimos para a "Senda Laguna Negra", que possui 950 metros (de ida), e apresenta baixa dificuldade.

No início da trilha vimos algumas lebres, e até filhotinhos. Aliás, depois de argentinos, acho que o que mais vimos nessa viagem foram lebres. rs.. Em todos os lugares havia uma lebre. rs..
Essa foi a última trilha que fizemos. Depois disso voltamos para a cidade e fomos devolver o carro. Um absurdo, pois tínhamos direito de ficar com ele até amanhã (às 11:30 da manhã), mas tivemos que devolve-lo hoje (até às 20:30), pois a Localiza só abre às 09h (mesmo horário do nosso voo).

2 comentários:

Expedição Andando por aí... disse...

kkkkkkkkk
Nós também vimos muuuitas lebres, mas não tanto como argentinos!!!! Lindas fotos do afuuuuu ;)
Você viu os castores! Que legal! É, tem que ter paciência e sorte pra ver certos bichinhos...
bjs
Carla

Cristiane Dias disse...

Sim, vimos castores! Muito serelepes! Minha paciência e persistência valeram a pena! Só que na afobação não consegui tirar nenhuma foto decente. rs..
Bjos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...